Bem-estar

Como poupar na mensalidade do ginásio

Comece o novo ano a praticar desporto. Saiba como pode poupar na mensalidade do ginásio e não se preocupe com o seu orçamento.

Autor Externo Autor Externo , 31 Março 2020

Uma das resoluções mais comuns de ano novo prende-se com a prática de exercício físico, como voltar a inscrever-se num centro de desporto para alcançar os seus objetivos de saúde e de fitness.

Apesar de ser uma atividade essencial para a saúde, os valores da mensalidade no ginásio podem não ir so encontro ao orçamento pessoal disponível. Contudo, existem diversas formas de potencializar a inscrição num ginásio sem afetar em demasia o seu orçamento. Siga as nossas dicas e olhe pela sua saúde e carteira.

Compare preços das mensalidades de diversos ginásios

Atualmente, os ginásios estão na moda, o que significa uma abundância de oferta e uma elevada concorrência entre os espaços, algo que pode estar a seu favor. Por isso, o primeiro passo é comparar os preços de todos os estabelecimentos, assim como as promoções em vigor.

Pode começar por visitar e comparar as mensalidades dos ginásios que estejam disponíveis entre o percurso casa - trabalho. Procure também opções fora das zonas urbanas, ou seja, perto do seu local de trabalho, uma vez que poderão apresentar preços mais elevados. Por vezes, existem ginásios locais mais pequenos com valores mais em conta.

Caso não encontre estabelecimentos com mensalidades dentro do seu orçamento, pode considerar procurar alternativas fora da sua rota habitual, desde que o percurso extra não levante custos acrescidos de transporte.

Ler mais: Como correr sem gastar muito dinheiro?

Negoceie o valor da mensalidade do ginásio

duas pessoas a correr na passadeira no ginasio

Depois de comparar e decidir quais os ginásios de sua preferência, é importante tentar negociar o valor da mensalidade. Reúna antecipadamente um conjunto de questões sobre promoções, períodos de fidelização, atividades incluídas na mensalidade, jóia de inscrição e seja claro sobre as suas necessidades de treino.

Para além disto, esteja também preparado para a possibilidade de ter de regatear presencialmente, e não hesite em referir que encontrou propostas mais competitivas na concorrência. Caso não seja possível a redução do valor da mensalidade, pode tentar negociar a oferta de um serviço extra, como, por exemplo, piscina, sauna e jacuzzi.

Veja a época em que se inscreve

Tenha em atenção a época em que pretender inscrever-se no ginásio. O início do ano e primavera são alturas de maior fluxo de inscrições e mais diversidade de campanhas promocionais, porém a flexibilidade de negociação do espaço é menor. Por outro lado, consegue maior poder de negociação se inscrever-se a meio do verão ou no último trimestre do ano, uma vez que o número de inscrições reduz.

Outra dica é ver uma inscrição no final do mês. Na maioria dos centros de treino, os comerciais têm uma quota mensal de inscrição de novos clientes. Quanto mais próximo do final do mês, maior é a pressão em captar novos membros, de maneira a atingir os objetivos mensais. Assim, informe-se e negoceie o valor das mensalidades no final do mês para obter um melhor negócio.

Opte pelo horário off-peak

Se tem um horário flexível e não se importa de treinar bem cedo ou ao final da noite, pode aproveitar as promoções de horário off-peak. Muitos ginásios oferecem preços mais baixos para os períodos em que há menos movimento no espaço.

Esta é uma ótima opção para quem tem flexibilidade de horário ou é freelancer. Além de puder treinar num espaço mais calmo, ainda consegue um desconto no valor da mensalidade.

Solicite um período experimental gratuito

Antes de assinar fidelização com um ginásio, pergunte se existe possibilidade de experimentar o espaço, sem qualquer custo. A maioria dos estabelecimentos oferecem aulas ou dias livres para potenciais novos clientes experimentarem as instalações. Assim, antes de fidelizar, aproveite todas as oportunidades gratuitas que os ginásios próximos da sua residência e local de trabalho estão a oferecer.

Pague aquilo que realmente for utilizar

mulher a treinar num ginasio, a fazer um agachamento com a bola nas mãos

A maneira mais eficaz de poupar é efetuar uma inscrição que combine com os seus objetivos e estilo de vida. Por exemplo, se sabe que não irá ao ginásio todos os dias, esqueça o livre-trânsito e escolha uma mensalidade que tenha apenas três ou duas sessões semanais. Mais tarde, basta realizar o upgrade para aumentar o número de entradas por semana.

Este pensamento aplica-se na seleção das modalidades de treino. Se prefere máquinas de musculação e de cardio, pode eliminar as aulas de grupo da sua inscrição - e vice-versa.

Os treinos com personal trainer são desafiantes e permitem alcançar bons resultados, mas se não está interessado em atingir nenhuma meta de fitness, pode retirar esse serviço extra da sua mensalidade.

Adote também esta ideia na escolha de serviços extra. Por quê pagar pela piscina, jacuzzi ou sauna quando apenas utiliza equipamentos de fitness? Tenha em conta que é mais fácil e económico fazer um upgrade da mensalidade mais tarde, do que um downgrade, principalmente se tiver uma inscrição com contrato de fidelização.

Treine em grupo

Treinar com amigos ou familiares dá sempre um incentivo extra na prática de exercício físico. Mas os benefícios vão além da motivação adicional e podem até ajudar a sua carteira: muitos ginásios oferecem descontos especiais na inscrição de dois membros do mesmo agregado familiar ou de um grupo de amigos.

Além de desconto nas mensalidades, pode também questionar a possibilidade de partilhar uma sessão com um personal trainer com dois amigos, de forma a dividirem o valor de cada treino pelo grupo.

Ler mais: Apps para poupar nos transportes, lazer, desporto e finanças pessoais

Pague um ano inteiro ou por sessão

homem a correr na passadeira

Por norma, os ginásios praticam valores mais baixos nos contratos anuais, uma vez que garantem a fidelização de um novo cliente. Se tem a certeza que irá treinar durante todo o ano e múltiplas vezes por mês, pode inquirir os comerciais sobre um possível desconto em pagar o ano todo de uma só vez.

Esta sugestão pode não ser uma opção para as grandes cadeias de ginásio, contudo alguns espaços mais recentes ou pequenos podem reduzir a jóia de inscrição caso pague vários meses adiantado. Lembramos que apenas o deve fazer se o orçamento o permitir e se efetivamente vai utilizar o ginásio.

Por outro lado, se não está totalmente empenhado na sua missão de treinar regularmente, pode tentar procurar alternativas à mensalidade ou anuidade. Certos espaços oferecem a possibilidade de pagar por cada vez que frequentar o ginásio, dessa forma também evita realizar um contrato de fidelização com um estabelecimento.

Suspenda a mensalidade do ginásio nas férias

Uma das formas de poupar na mensalidade do ginásio é congelar a conta sempre que tiver a certeza de que vai estar indisponível por um ou dois meses, quer seja por férias, atividades pós-laborais ou horas extras no trabalho.

Antes de se inscrever num ginásio questione a possibilidade de suspender a inscrição e por quanto tempo. Além disso, aproveite para perceber se esses meses de pausa contabilizam para o período de fidelização. Por exemplo, a sua fidelização pode terminar em outubro, mas se congelar a inscrição por um mês, a mesma pode terminar apenas em novembro.

Ler mais: Proteções online para ter mais segurança nas suas férias

Aproveite as parcerias

Na procura pelo espaço ideal, não se esqueça de perguntar a lista de protocolos com outras instituições e entidades. Por norma, os clubes desportivos e empresas de distribuição alimentar possuem parcerias com ginásios, pelo que pode beneficiar de um desconto ou regalia através da empresa onde trabalha ou de associações a que está inscrito.

Potencie a sua fidelidade

Caso já seja membro de longa data, pode negociar um reajuste de preço da mensalidade do ginásio na próxima renovação da inscrição. Aproveite a sua fidelidade ao estabelecimento para pedir uma mensalidade gratuita, sessões com o personal trainer, consulta com o nutricionista residente do ginásio ou a oferta de algum serviço extra, como toalhas de banho ou uma massagem.

Crie um ginásio em casa

rapariga de fato de treino a treinar em casa em cima de um colchao cinzento

Por vezes, as exigências das rotinas diárias fazem com que a ida a um centro de treino seja uma tarefa impossível. Por esta razão, pode pensar em criar um pequeno ginásio na sua casa.

Dessa forma, pode treinar a partir do conforto da sua casa sempre que quiser, poupar nas deslocações e evitar as salas e balneários lotados dos ginásios.

Primeiramente tem de decidir o local onde possa treinar, de seguida definir o tipo de treino e prioridades, e a partir daí estabelecer o orçamento. Não é necessário comprar todo o material no início, ao longo do tempo pode aumentar o número de equipamentos.

Apesar de à primeira vista parecer um investimento maior do que uma mensalidade, se contabilizar os valores a longo prazo, pode aperceber-se que ainda vai lucrar no final. Por exemplo, se uma mensalidade num ginásio é de 50€ a despesa anual é de 600€, mas se investir 400€ para comprar alguns equipamentos para a sua casa, já poupou.

Pratique exercício físico gratuito

Se não quer ou pode gastar muito dinheiro, existem alternativas mais económicas: comprar aplicações de treino e seguir as indicações de exercícios em casa, caminhar, fazer jogging, andar de bicicleta e aproveitar os campos municipais para jogar futebol, basquetebol ou ténis com amigos e familiares.

Partilhe este artigo
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *