Utilidades

Prestação de crédito após amortização antecipada

Amortizar parte do capital em dívida num crédito é uma forma de poupar muito dinheiro em juros, especialmente se a taxa de juro subjacente ao mesmo for elevada. Com esta ferramenta pode calcular qual será a nova prestação após amortização, sabendo de imediato qual será o impacto no orçamento e quanto poupará na diminuição dos juros.

Prestação de crédito após amortização antecipada

Partilhe este artigo
Tem dúvidas sobre o assunto deste artigo?

No Fórum Finanças Pessoais irá encontrar uma grande comunidade que discute temas ligados à Poupança e Investimentos.
Visite o fórum e coloque a sua questão. A sua pergunta pode ajudar outras pessoas.

Ir para o Fórum Finanças Pessoais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

186 comentários em “Prestação de crédito após amortização antecipada

  1. Bom dia,
    é possível amortizar logo no 3º mês de um crédito a 360 prestações com t.fixa + 72 prestações com t.variável?
    Obrigado.

    1. Olá, João.

      Normalmente sim, mas o melhor é sempre consultar as condições do contrato para ver o que é ou não possível fazer e, sobretudo, se há ou não algum tipo de penalização a pagar em caso de amortização antecipada…

      1. Olá Paulo, antes de mais obrigado pelo comentário.
        As condições apresentadas na ficha FINE costumam alterar depois para o contrato final?
        Não estou a falar da taxa, a minha questão incide mais nos abatimentos. No meu caso na ficha FINE diz que “Os pedidos de reembolso parcial antecipado podem ser efetuados em qualquer momento do contrato…” e “A comissão de reembolso antecipado, parcial ou total, é de 2% sobre o valor a reembolsar durante o periodo de taxa fixa”. Isto terá de se manter para o contrato final, correcto?

        Obrigado,
        João

      2. Em primeiro lugar, se o João não tem a certeza do que diz no seu contrato, ou se corresponde ao que inicialmente tinha lido na FINE, não será aqui que vai esclarecer essa dúvida. Deve contactar a entidade junto de quem contraiu o empréstimo para obter esses esclarecimentos.

        Dito isto, eu também não falei da taxa e percebi a dúvida 🙂 Os excertos que transcreveu parecem-me corresponder ao habitual e são claros ao referir que pode fazer amortizações quando quiser, sujeito às penalizações indicadas…

  2. Olá Pedro. Desde o Pedro e o Blog que acompanho o ser trabalho 🙂
    Há forma de saber os valores do seguro de vida que se poupam ao amortizar antecipadamente?
    Cumprimentos,
    Manuel

    1. Olá, Manuel.

      A forma mais simples é mesmo colocar a questão à seguradora. Até porque as regras de cálculo variam de seguradora para seguradora.

      Mas se tiver a simulação da evolução do seguro que lhe foi entregue na altura da contratação do empréstimo, talvez dê para ficar com uma ideia…

  3. Boa tarde.
    O meu nome é Patrícia e tenho um crédito pessoal no valor de 14 000€, crédito este que é reestruturado. Gostaria no inicio do ano liquidar este montante, no entanto, informaram-me que nestes caso deveria solicitar o perdão parcial da dívida. Ó banco em questão é o Bankinter. Liguei para os mesmo que me informaram que na altura deveria ligar para um determinado número para negociar o % de perdão. Não faço ideia do valor ou % devo solicitar de perdão. O que é normal nestes casos?
    Obrigada.
    Cpts.
    Patrícia Lavado

  4. Boa tarde.

    Tenho um crédito automóvel e o meu capital em dívida é de 8444,61€ sendo que ainda me faltam 55 meses de crédito.

    Gostaria de amortizar o valor total, mas pelo banco não me sabem dizer um valor total de amortização.

    Verifiquei no meu contrato que teria de pagar cerca de 0,5% de taxa de amortização sobre o valor de capital em divida e juros de 30 dias, será que me podiam dar um valor aproximado de o que tenho de pagar na totalidade.

    A minha TAN É DE 7,598%.

    Obrigada

    1. Olá MDG,
      Faltam aí alguns dados para dar uma resposta exata (quando vencem as prestações, clausulado do contrato, etc).

      O banco tem todos os dados de que necessita para lhe dar a resposta que pretende. Portanto, insista. Se continuar a receber respostas evasivas, peça o livro de reclamações ou apresente uma através do portal do cliente bancário – normalmente o simples pedido é suficiente para “descobrirem” como se fazem as contas…

      No limite, amortize os 8444,61€ de capital em dívida. O banco irá cobrar-lhe a comissão devida e, se continuar a faltar alguma coisa, será paga na prestação seguinte.

  5. Um amigo fez uma amortização de crédito automóvel, fiquei surpreendido porque de 2000 euros só 1626.02 foram amortizados e o restante foi IVA! Isto é correto? O IVA foi pago no momento da compra do carro, ou estou errado? Tem que se pagar em cada amortização? Já fiz o mesmo no crédito habitação e não me sucedeu o mesmo. Será por ser crédito automóvel? É com o BBVA Finance.

  6. Acho que tda amortizaçao num emprestimo compensa mas nesta altura com taxas que rondam o negativo ou quase nada nao deve compensar muito se consegue pagar a prestaçao deve continuar e colocar o que teria para amortizar para outra altura quando os juros subirem claro pois alem de baixar o valor em divida e a prestaçao baixar no seguro de vida tambem baixa basta so enviar para a seguradora o novo montante em divida e mata 2 coelhos numa cajadada ficara bem mais em conta esses 2 valores, pois a idade no seguro de vida nao perdoa é sempre a doer.