Código de Conduta

No Doutor Finanças traçamos bem os objetivos, desenhamos criteriosamente as estratégias, exigimos as melhores performances e lutamos para Fazer o Bem Bem Feito.

Fazer o bem bem feito!

Esforçamo-nos pela máxima eficiência em todas as áreas de negócio.

Zelamos por conquistar a lealdade e a máxima satisfação dos nossos clientes.

Somos exigentes com o que fazemos e como o fazemos.

Comprometemo-nos a satisfazer os legítimos interesses dos nossos acionistas e investidores.

Cumprimos as nossas obrigações legais e assumimos normas de conduta, que nos permitem pôr em prática os nossos princípios e valores, porque só agindo com integridade, lealdade e ética podemos Fazer o Bem Bem Feito.

O Bem que se espelha nas boas relações de trabalho, todos os dias, nas nossas equipas, nas localidades onde estamos presentes e que se projeta num futuro de confiança.

Somos responsáveis por cumprir o código de conduta e todos os supervisores e gestores de equipa comprometem-se a promover uma cultura de integridade junto das suas Pessoas, com o objetivo de nos afirmarmos como uma empresa sólida e coesa, capaz de Fazer Sempre o Bem Bem Feito!

… Agora e num futuro sustentado…

Respeito pela Lei e Direitos Humanos
Todas as nossas ações devem respeitar as leis aplicáveis em Portugal e na União Europeia, a Declaração Universal dos Direitos Humanos e os tratados Internacionais em vigor.

Cidadania
No âmbito da nossa atuação socialmente responsável, nós, no Doutor Finanças, podemos tornar públicas as nossas posições em matérias que afetem as comunidades onde nos integramos e que digam respeito aos negócios por nós desenvolvidos.

Independência em Relação a Partidos Políticos
Nós, no Doutor Finanças, não apoiamos partidos políticos ou os seus representantes, nem contribuímos financeiramente para grupos que possam apoiar interesses partidários.

Cooperação com Entidades Oficiais
No Doutor Finanças e em qualquer uma das nossas empresas somos encorajados a colaborar e a responder a solicitações do Governo e de outras entidades públicas para fornecimento de informação, comentários ou contributos sobre assuntos relevantes para o nosso negócio e/ou sobre as comunidades onde operamos.

Honestidade e Integridade
Conduzimos a nossa atividade com honestidade, rigor e integridade e não damos nem recebemos, direta ou indiretamente, subornos ou quaisquer outras vantagens impróprias para o desenvolvimento do nosso negócio.

Responsabilidade Corporativa Social
No Doutor Finanças procuramos gerir de forma equilibrada a relação entre a necessária prosperidade económica e o contributo ativo para o desenvolvimento social e a preservação ambiental. Assumimos três pilares transversais e presentes na nossa cultura:

1. Respeitar o Ambiente – Estamos empenhados em conduzir o nosso negócio de uma forma consciente e respeitadora do ambiente. O nosso objectivo é garantir que todos os nossos processos e serviços tenham o mínimo impacto adverso possível no ambiente, promovendo, designadamente, a redução, a reutilização,o tratamento e a reciclagem de resíduos e embalagens, promovendo a utilização racional de recursos materiais e energéticos.

2. Apoiar as Comunidades Envolventes – A nossa política de Responsabilidade Social tem uma componente de mecenato social que, em particular, privilegia o apoio humano e económico prestado a variadas instituições que acolhem ou cuidam de crianças, nas comunidades em que desenvolvemos a nossa atividade.

3. Ser um Empregador de Referência – Definimos três grandes eixos de atuação para apoiar os nossos Colaboradores, Saúde e Bem-Estar, Educação e Apoio Social, assumindo, desta forma, um papel relevante no desenvolvimento de iniciativas que procuram ir ao encontro das necessidades e expectativas dos Colaboradores.

Os nossos Colaboradores

À motivação e ambição saudável
Estamos empenhados em garantir um ambiente são e agradável e uma remuneração justa e adequada, de forma a promover a motivação pelo trabalho.
Promovemos, ainda, o desenvolvimento pessoal e profissional dos nossos Colaboradores, nomeadamente através da formação.

Igualdade!
Discriminação está fora de questão.
Estamos empenhados em garantir aos colaboradores uma remuneração justa e uma evolução pessoal e profissional baseada no mérito, nas qualificações e na igualdade de oportunidades, independentemente da sua ascendência, sexo, orientação sexual, religião, idade, estado civil, situação familiar, nacionalidade, origem étnica, deficiência, convicções politicas ou ideológicas e filiação sindical.

Bons desafios!
Mas jamais com agressão.
Asseguramos a todos os Colaboradores um ambiente e condições de trabalho seguros e saudáveis.
Proibimos quaisquer formas de assédio, “bullying” ou “mobbing”, lutando ainda pela divulgação dos princípios, valores e normas indispensáveis à manutenção e consolidação de uma cultura de prevenção do risco no local de trabalho.

Liberdade de associação
Reconhecemos as diversas formas de liberdade de associação dos nossos Colaboradores, nomeadamente as de carácter profissional, lúdico e sociocultural.

Respeito pela intimidade da vida privada
Asseguramos a todos os nossos Colaboradores o direito de reserva e confidencialidade relativamente à sua vida privada, informação de natureza pessoal e de carácter não profissional, nomeadamente no que respeita aos seus dados pessoais e clínicos.

A confidencialidade é mesmo para respeitar
Devemos guardar sigilo e manter confidenciais todas as informações e factos relativos às atividades da empresa a que tenhamos acesso e que não sejam de conhecimento público ou notório.

Conflitos de interesses não têm lugar na empresa
Todos nós devemos abster-nos de intervir em projetos ou atividades com entidades externas, em que estejam envolvidos familiares ou pessoas e organizações com quem mantenhamos ou tenhamos mantido uma relação profissional ao serviço da empresa.

Presentes, ofertas, subornos ou corrupção nunca serão aceites
Nenhum colaborador pode aceitar ofertas, brindes, benefícios ou convites de carácter pessoal de terceiros, nem mesmo para os nossos familiares ou outra pessoa.
Nesta importante regra abre-se exceção às ofertas meramente simbólicas, cujo valor nunca deverá ultrapassar os 50€.
Todas as ofertas não autorizadas que, por algum motivo, não possam ser recusadas ou devolvidas, revertem automaticamente a favor da Empresa.
Não podem ser dados ou recebidos quaisquer oferta ou pagamento de terceiros que sejam ou possam ser considerados suborno ou corrupção.

A Lealdade é um valor basilar
Os colaboradores, em conformidade com o princípio de lealdade que deve pautar a sua conduta, não podem prestar qualquer atividade de consultoria ou assistência técnica a fornecedores, clientes e prestadores de serviços do Doutor Finanças, salvo, quando previa e formalmente sejam autorizados nesse sentido
Não e permitida a utilização, em proveito próprio, dos bens ou meios do Doutor Finanças colocados à disposição dos Colaboradores, para o desempenho das suas funções

Internet e e-mail com respeito pelas boas práticas
O correio eletrónico, a internet, os meios informáticos ou qualquer outro suporte eletrónico, equipamento ou material de natureza similar colocado a disposição dos colaboradores para a execução do seu trabalho, deve ser utilizado acautelando sempre a boa segurança da informação tratada, não sendo permitida a divulgação de mensagens ilícitas, ilegais ou de conteúdo menos próprio.

Gostamos de relações de exclusividade
Todos os colaboradores estão impedidos de trabalhar numa empresa que não a do Doutor Finanças. Devemos por isso abster-nos de quaisquer atividades que afetem o bom desempenho nas nossas funções e nas nossas equipas.

Queremos ter uma só Voz
A participação ou intervenção de colaboradores em eventos públicos, incluindo na comunicação social, sobre assuntos relacionados com a atividade da empresa, designadamente através de conferências, palestras, simpósios, entrevistas ou artigos de opinião, está sujeita à autorização prévia da Administração da empresa.

Esperamos de todos o melhor
Esperamos de todos os colaboradores não só o cumprimento das normas contidas neste código, como uma conduta geral pautada pelos mais nobres valores: Integridade moral, Lealdade e Comportamento ético, em todas as suas áreas de atuação.

Os nossos Clientes

Os Clientes são a nossa razão de existir
Estamos comprometidos em satisfazer as suas necessidades e expectativas, com um esforço constante de oferecer aos nossos clientes a maior poupança do mercado e o melhor serviço, perseguindo os mais elevados padrões de segurança de informação e dedicando uma especial atenção ao atendimento ao cliente.

Respeito pela intimidade da vida privada
Asseguramos a todos os nossos Clientes o direito de reserva e confidencialidade relativamente à sua vida privada, informação de natureza pessoal e de carácter não profissional, nomeadamente no que respeita aos seus dados pessoais e financeiros.

A confidencialidade é mesmo para respeitar
Devemos guardar sigilo e manter confidenciais todas as informações e factos relativos aos nossos Clientes a que tenhamos acesso por via dos seus processos.

Toda a informação é destruída
Servimos de intermediários de recolha de informação entre os nossos clientes e os nossos parceiros de negócio, assim todos os documentos após entrega são destruídos de acordo com a legislação em vigor.

Garantimos higiene e segurança nas nossas instalações
Empenhamo-nos todos os dias em proporcionar aos nossos clientes instalações dotadas de um ambiente saudável, adotando para o efeito rigorosos padrões de qualidade de construção, higiene, saúde, bem-estar e segurança.

Estamos cá para esclarecer e apoiar…
Porque o feedback dos nossos clientes é muito importante para nós, criámos uma estrutura especializada de comunicação com os nossos clientes, de forma a assegurar uma eficiente gestão das sugestões, ideias, pedidos de informação e reclamações apresentadas pelos clientes.

Os nossos Fornecedores e Parceiros Comerciais

Competitivos, mas sempre justos e leais
Adotamos políticas de comércio leais que têm em vista a proteção dos direitos dos nossos clientes.
Apoiamos todas as atividades que tendam a proibir a existência de atividades restritivas do livre comércio, práticas injustas ou abuso de posição negocial.
Operamos de forma leal, em pleno respeito das condições contratuais acordadas, com todos os nossos fornecedores e parceiros, e esperamos o mesmo comportamento da parte de todos eles.

Existência de livre concorrência
Acreditamos na concorrência forte e leal, que nos pode ajudar a melhorar o nosso desempenho e a nossa oferta. Desta forma apoiamos o desenvolvimento de leis da concorrência apropriadas.

Escolhemos Fornecedores e Parceiros com os mesmos princípios éticos
Selecionamos os nossos parceiros de negócio, procurando relacionar-nos com entidades que partilhem do mesmo quadro de princípios éticos seguidos por nós.
A seleção de fornecedores é realizada de forma imparcial, com base em critérios que assentam na qualidade, capacidade de inovação, preço, capacidade de abastecimento, performance, confiança, continuidade e sustentabilidade ao longo do tempo.
A todos os fornecedores e demais parceiros comerciais é exigido o cumprimento das leis aplicáveis.

Os nossos Investidores e Acionistas

Esperam de nós toda a informação de forma completa e transparente
Cumprimos rigorosamente os deveres de informação perante as entidades reguladoras, os nossos acionistas e o mercado em geral, fazendo-o de forma tempestiva, completa, transparente e idónea.

Esperam de nós toda a informação Financeira
Os Relatórios e Contas anuais, bem como os registos financeiros e documentos de suporte da contabilidade das nossas empresas, descrevem e refletem de forma exata, verdadeira e transparente a natureza de todos os nossos negócios subjacentes.

O que fazer se tiver dúvidas quanto ao cumprimento de alguma das normas de conduta ou se tiver conhecimento da violação das mesmas?

No desempenho das nossas funções devemos assumir o compromisso firme de cumprir a legislação aplicável em Portugal e as regras contidas no código de conduta.
Se no decurso das nossas atividades diárias tivermos dúvidas a respeito do cumprimento da lei ou do código de conduta, devemos pedir orientação a um dos seguintes apoios:

  • Superior Hierárquico;
  • Direção de Recursos Humanos;
  • Direção Geral da Empresa.

Qualquer dos apoios garante-lhe confidencialidade, credibilidade e disponibilidade, podendo ser contactados presencialmente, via telefone, correio eletrónico ou correio postal.